Ex-empresária de Anitta expõe briga e acusação de drogar a cantora

Kamilla Fialho, Ex-empresária de Anitta voltou a falar sobre a história conturbada ao lado da cantora. Em entrevista ao podcast “Bulldog Show“, ela rebateu a história de que colocava drogas na bebida da estrela, antes dos shows. A acusação foi feita na biografia não autorizada da artista, lançada em 2019.

publicidade
Ex-empresária de Anitta abre o jogo sobre briga e acusação de drogar a cantora (Fotos: Reprodução/Instagram)
Ex-empresária de Anitta abre o jogo sobre briga e acusação de drogar a cantora (Fotos: Reprodução/Instagram)

“No livro está dizendo que eu colocava droga na bebida dela para ela fazer o show. Sabe ao que ele (o escritor) estava se referindo? A ela ir a um nutrólogo, nutricionista, que provavelmente dava algum tipo de suplemento porque ela fazia muitos shows, era esse o rolê. Mas virou Kamilla coloca droga na bebida da Anitta.'”, afirmou.

publicidade

Durante a conversa, a empresária ainda lembrou a fase em que ficou sem dinheiro, antes do acordo em que pagou R$ 9 milhões a Anitta. “Desses R$ 9 milhões, sobrou na minha conta R$ 500 mil. O que é pouco diante do que foi feito. Antes disso, tinha dia em que ou eu fazia unha ou pegava o Uber”, conta.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Hoje as coisas estão muito claras, resolvidas, entre a gente. A gente viveu quatro anos de um negócio muito chato, se eu pudesse escolher não viveria nada disso e ela também certamente não iria querer.”, completa.

publicidade

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Rafael Lima

Jornalimo pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Possui passagem por assessoria de comunicação e produção de críticas musicais desde 2020 em redes sociais. Apaixonado pelo universo e cultura pop, pesquisa e produz conteúdo para o nicho desde 2019.

Veja mais ›
Fechar