Dia dos Pais: 5 músicas para curtir com o seu

No Dia dos Pais selecionamos cinco músicas para você curtir com a figura paterna que é presente na sua vida. Um especial para celebrarmos a pessoa presente que ocupou a principal referência de amor, seja de um pai biológico ou adotivo — mãe, padrasto, tio ou avô.

Pai – Fábio Jr.

Começamos com um clássico! A música foi lançada dentro do seu segundo álbum de estúdio autointitulado de 1979. Fábio Jr. assina a letra e já afirmou em entrevistas que é sua composição favorita. A faixa foi utilizada como tema da novela global “Pai Herói”.

Fábio Jr é pai dos também cantores Fiuk e Cleo Pires. Em um dos grandes momentos da televisão, o ex-BBB 21 começa a cantar a música ao entrar no palco do “Domingão do Faustão”. O cantor se irrita a principio, mas fica emocionado com a homenagem do filho.

Filho Adotivo – Sérgio Reis

Em 1981, Sérgio Reis lançou “Filho Adotivo”. A faixa narra a vida de um homem de origem humilde que teve sete filhos, sendo seis biológicos e um adotivo. O personagem trabalhou duro para que as crianças tivessem uma boa educação.

Em seguida, Sérgio Reis conta que esse homem envelheceu, mora em um asilo e vive doente. Dos sete filhos desse homem, apenas um deles vem visitar o pai, que é o “Filho Adotivo”. Esse personagem consegue vencer na vida e chama o pai para morar com ele.

Daddy Issues – Beyoncé

“Daddy” é última faixa do seu primeiro álbum “Dangerously in Love” de 2003. Na canção, Beyoncé declara seu amor por seu pai, que foi seu empresário até 2011. Após alguns anos, a cantora lançou “Daddy Lessons”, que está no álbum Lemonade de 2016.

Na canção, o pai avisa a filha que seu marido está a traindo. Beyoncé faz a ilusão a dois episódios de sua vida, quando seu marido, o rapper Jay-Z a traiu. E seu pai, Mathew Knowles, “pulou a cerca” após anos de casamento com a mãe da artista.

Durante a divulgação do álbum “Lemonade”, Beyoncé se apresentou “Daddy Lessons” no Country Music Awards de 2016. Na performance, a cantora se uniu ao trio The Chicks, mais conhecidas pelo seu antigo nome, Dixie Chicks. Um remix foi lançado com a banda.

Meu Querido, Meu Velho, Meu Amigo – Roberto Carlos

A canção de 1979 foi composta pelo Rei com o cantor Erasmo Carlos. A faixa foi feita para o pai de Roberto Carlos, Robertino Braga, que chamava carinhosamente seu filho de “Zunga”. Foi ele quem incentivou a carreira do filho e quem comprou seu primeiro violão.

Robertino Braga ouviu a música do filho poucos dias antes de falecer aos 83 anos por enfisema pulmonar. A canção de Roberto Carlos ganhou uma versão espanhol do próprio Rei chamada “Mi Querido, Mi Viejo, Mi Amigo”.

Pais e Filhos – Legião Urbana

A música foi o segundo single trabalhado do álbum “As Quatro Estações” (1989), que é considerado um dos discos mais bem sucedidos do gênero no país. “Pais e Filhos” possuía um significado que o público pode não ter entendido a princípio.

A canção fala sobre uma menina que tem problemas com os pais, ela se jogou da janela do quinto andar e não existe amanhã. Entretanto, a mensagem mais positiva que o público acatou foi de aproveitar todo o tempo que ainda resta com os pais.

É preciso amar, como se não houvesse amanhã“.

Siga-nos nas nossas redes sociais e não perca nenhuma novidade em primeira mão!

Temos uma super novidade! Agora também lançamos um canal incrível no YouTube, recheado de entrevistas e bate-papos exclusivos para os nossos seguidores.

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Quer ficar por dentro de tudo em primeira mão? Junte-se ao nosso canal do MixMe no WhatsApp e mergulhe no mundo do entretenimento 24 horas por dia! Participe e compartilhe as nossas notícias!