Flávio Bolsonaro desiste de cargo municipal por causa do pai

Flávio Bolsonaro desiste do cargo de prefeito do RJ
Senador Flávio Bolsonaro (Foto: WALLACE MARTINS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)

Flávio Bolsonaro desiste de cargo municipal por causa do pai

O senador Flávio Bolsonaro (PL) anunciou em seu Twitter que não vai disputar a eleição para a prefeitura do Rio de Janeiro nas eleições municipais de 2024. Na publicação da última quinta-feira, (18), o parlamentar disse que seguirá ajudando a capital fluminense no Senado Federal. A decisão foi tomada depois de um conselho do pai, o ex-presidente Jair Bolsonaro, que esteve no Senado. Mais cedo, Flávio declarou que sairia candidato caso Bolsonaro “abraçasse” a candidatura e reforçou que “a palavra final é dele”.

Jair Bolsonaro faz Flávio desistir da candidatura

O ex-presidente Jair Bolsonaro pediu, e o filho, senador Flávio Bolsonaro, desistiu de lançar uma candidatura à Prefeitura do Rio de Janeiro de 2024. A decisão foi tomada após a visita do ex-chefe do Executivo ao Senado nesta quinta-feira (18). “Agradeço ao meu líder Jair Bolsonaro pelas palavras e pelo reconhecimento. Seguirei ajudando meu amado Rio de Janeiro e trabalhando por todos os cariocas e fluminenses aqui no Senado Federal”, disse Flávio Bolsonaro nas redes sociais, ao compartilhar uma reportagem sobre o assunto.

Na matéria, o ex-presidente diz à Jovem Pan News que Flávio queria muito a candidatura, mas que ele é importante no Senado e na articulação política. “Nas eleições municipais de 2024 quero ele organizando os palanques nos 92 municípios do Rio, pois o PL tem o projeto de fazer uma grande quantidade de prefeitos e vereadores em todo o Brasil. Então, conversamos e ele vai comunicar ao nosso grupo político do Rio que não será candidato à Prefeitura. Vamos escolher o melhor nome para disputar a capital com o nosso apoio”, afirmou Bolsonaro.

Visita de Jair Bolsonaro ao Senado

Bolsonaro compareceu ao Senado na tarde desta quinta-feira (18). Ao deixar o Congresso Nacional, comentou o resultado das eleições do ano passado, a expectativa sobre o arcabouço fiscal, o depoimento à Polícia Federal (PF), as manifestações do 8 de janeiro e a maneira como seu partido, o PL (partido liberal), irá agir em relação ao governo Luiz Inácio Lula da Silva.

Sobre outubro do ano passado, quando perdeu a disputa pela Presidência da República, Bolsonaro foi direito: “Página virada”. Ele avisou que seu objetivo agora é conversar com outros partidos, para saber qual estratégia será adotada ao decorrer de 2023. Em relação às futuras disputas eleitorais, o ex-presidente também foi sucinto. Para Bolsonaro, o trabalho para 2026 só será iniciado depois das eleições municipais de 2024.

Siga-nos nas nossas redes sociais e não perca nenhuma novidade em primeira mão!

Temos uma super novidade! Agora também lançamos um canal incrível no YouTube, recheado de entrevistas e bate-papos exclusivos para os nossos seguidores.

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Quer ficar por dentro de tudo em primeira mão? Junte-se ao nosso canal do MixMe no WhatsApp e mergulhe no mundo do entretenimento 24 horas por dia! Participe e compartilhe as nossas notícias!