Atriz revela problema nos bastidores de Mulheres Apaixonadas: “Tensão”

Mulheres Apaixonadas teve momentos de tensão nos bastidores
Mulheres Apaixonadas teve momentos de tensão nos bastidores (Foto: Divulgação/Globo)

Atriz revela problema nos bastidores de Mulheres Apaixonadas: “Tensão”

A novela Mulheres Apaixonadas, atualmente em reprise no Vale a Pena Ver de Novo, teve bastidores agitados em seus últimos momentos. Regiane Alves, que interpreta a personagem Dóris na trama revelou que o elenco e a direção passaram o maior perrengue para gravar o final da história em cima da hora. Isso aconteceu porque o autor Manoel Carlos atrasava na entrega dos capítulos.

Em conversa com a Globo, a atriz revelou curiosidade dos bastidores e relatou o momento de tensão vivido por toda a equipe no encerramento do folhetim das 20h, em outubro de 2003. “Eu lembro que a novela foi gerada do Projac”, contou. “Eles montam aqui uma parte de edição num ônibus e faz a transmissão ao vivo”, explicou.

Tensão em Mulheres Apaixonadas

Regiane detalhou toda a situação que viveu naquela ocasião. “No último dia, eu estava com cinco frentes de trabalho. Estava fazendo todas as frentes e saí do estúdio aqui do Projac eram dez para as oito e a novela entrava no ar oito e meia. E foi [um capítulo] de quase duas horas no ar. Foi muito tempo de último capítulo”, relembrou.

A artista, que atualmente está no ar como Clara em Vai na Fé, confessou que acreditava que aquilo não daria certo. “Então, aquela sensação de último dia que não ia dar tempo, que a gente tinha que fazer, que tinha que editar. Os dois primeiros blocos da novela estavam editados e os outros foram editando e indo ao ar. Foi aquela tensão ao máximo”, revelou.

Trabalho às pressas na Globo

Em outra ocasião, Christiane Torloni, que interpreta a Helena de Mulheres Apaixonadas, também expôs a correria no último capítulo da trama. “O meu final de novela mais incrível que o público não viu, na verdade, foi Mulheres Apaixonadas, que quase foi ao vivo pro ar”, declarou ela em entrevista ao programa Casa GNT, no ano passado.

Na ocasião, a atriz expôs que o autor Manoel Carlos motivou a confusão porque entregava os capítulos em cima da hora. “O Maneco escrevia quase em tempo real a novela. Então, de manhã estávamos gravando ainda as últimas cenas da novela. Eu, Tony [Ramos] e aquele elenco, uns duzentos [atores], foi incrível”, contou.

“Eles [os diretores] foram editando o final da novela. Estavam editando ainda o terceiro bloco, foi gerado do Projac. Nós já estávamos na festa ali do lado esperando. O Rogério Gomes e o Ricardo Waddington [diretores de Mulheres Apaixonadas] estavam editando os últimos minutos. Estava indo ao ar e eles estavam editando o final. Eu falei assim: ‘vai entrar ao vivo'”, revelou Torloni.

Siga-nos nas nossas redes sociais e não perca nenhuma novidade em primeira mão!

Temos uma super novidade! Agora também lançamos um canal incrível no YouTube, recheado de entrevistas e bate-papos exclusivos para os nossos seguidores.

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Quer ficar por dentro de tudo em primeira mão? Junte-se ao nosso canal do MixMe no WhatsApp e mergulhe no mundo do entretenimento 24 horas por dia! Participe e compartilhe as nossas notícias!