Polícia americana explica causa de prisão de Saulo Poncio

policia-americana-explica-causa-de-prisao-de-saulo-poncio
Saulo Poncio enfrenta acusações graves nos EUA e no Brasil, incluindo denúncia de estupro.(Foto: Reprodução/internet)

Na quinta-feira (7), a polícia dos Estados Unidos confirmou a prisão de Saulo Poncio na Flórida, em novembro. O pastor evangélico teria violado leis de Las Vegas, conforme informado pelo Gabinete do Xerife do Condado de Orange. Embora as autoridades não tenham detalhado as acusações, foi confirmada a emissão de um mandado de prisão.

O jornal Estadão reportou que o Xerife afirmou: “Esta pessoa foi presa com base em um mandado do estado de Las Vegas. Não podemos confirmar suas acusações exatas“. Os representantes do influenciador digital e pastor, Saulo Poncio, optaram pelo silêncio. Gabi Brandt, mãe dos filhos do líder religioso, também não se manifestou.

Segundo informações do perfil no Instagram, Saulo Poncio foi detido em 4 de novembro por furto em Las Vegas, e imagens do cantor na delegacia foram divulgadas. A fiança para sua libertação foi estabelecida em US$ 88,5 mil, aproximadamente R$ 434 mil na cotação atual do dólar, com a condição de pagar 10% desse valor.

Acusações contra Saulo Poncio

Saulo Poncio, atualmente detido nos Estados Unidos, enfrenta sérias acusações no Brasil. A influenciadora Brenda Monique expôs uma denúncia de estupro contra o cantor em 2022, alegando que o crime ocorreu em 2020, envolvendo também a influenciadora Laura Araújo. Conforme a denúncia, a vítima afirmou ter sido violentada sexualmente com o uso de preservativo em fevereiro de 2020.

O relato detalha que durante uma festa, o pastor teria agarrado a denunciante à força, levando-a para um dos cômodos da casa. Em outubro do ano passado, Brenda acusou o músico de tentativa de agressão com a presença de dois seguranças durante um show de Mumuzinho no Rio de Janeiro.

Abuso de Saulo Poncio

O cantor foi acusado de abuso sexual pela influenciadora Laura Araújo, que levou o caso à polícia no ano passado. Araújo tomou a iniciativa de expor  situação quando Brenda Monique garantiu que o influenciador a agrediu no Show do Mumuzinho, em outubro de 2022.

Segunda Laura Araújo, o abuso aconteceu em 2020, quando ela tinha apenas 18 anos. A influenciadora ainda acusa Gabi Brandt de acobertar o crime do ex-marido. Araújo garante que Brandt paga uma terceira pessoa para ser a testemunha de defesa de Saulo Poncio.

Siga-nos nas nossas redes sociais e não perca nenhuma novidade em primeira mão!

Temos uma super novidade! Agora também lançamos um canal incrível no YouTube, recheado de entrevistas e bate-papos exclusivos para os nossos seguidores.

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Quer ficar por dentro de tudo em primeira mão? Junte-se ao nosso canal do MixMe no WhatsApp e mergulhe no mundo do entretenimento 24 horas por dia! Participe e compartilhe as nossas notícias!