Léo Chaves prepara lançamento do primeiro álbum da carreira solo para 2022

O cantor Léo Chaves, ex-dupla com Victor, já está com o retorno de sua carreira solo oficializado. O artista anunciou para 2022 a chegada de seu primeiro álbum onde aparece cantando sozinho.

publicidade
Léo Chaves (Reprodução)
Léo Chaves (Reprodução)

Intitulado O retorno, o disco foi gravado ao vivo em um show realizado no último dia 30 de setembro, na Villa Country, na cidade de São Paulo (SP). O projeto conta com participação de nomes como Gusttavo Lima, Xand Avião e das duplas Henrique & Juliano e Guilherme & Benuto.

publicidade

O disco conta com diversas músicas autorais e algumas regravações de sucesso da dupla Victor & Leo. O retorno também conta com produção musical assinada por Léo em parceria com Beto Rosa.

O anúncio do lançamento de seu primeiro disco vem logo após um jejum de três anos, quando o artista lançou um projeto musical chamado Alusão Acústico, em que ele trazia versões de sucessos de Alceu Valença, Fábio Jr., Lulu Santos, Paralamas do Sucesso e Zé Ramalho, entre outros nomes.

publicidade

Vale destacar que em recente entrevista para o G1, Victor falou sobre o novo momento da carreira e sobre a possibilidade do retorno com seu irmão. Ele descartou o retorno da dupla e disse que ambos estão focados em projetos distintos.

“Nem eu e nem ele pensamos em volta da dupla com carreira. Ele está focado no projeto solo dele que é o ‘VC’, que é maravilhoso, e eu focado no meu primeiro projeto solo, que é o meu DVD”.

“Seria dar um tiro no pé a gente confundir o mercado agora com a volta do Victor e Léo. Jamais. Como irmãos a gente se ama, como sócios, a gente se odeia”.

publicidade

Problema sério

Em passagem pelo canal de André Piunti, no YouTube, Léo Chaves comentou um pouco sobre sua intimidade no mundo da música. O artista disse que passou por um período difícil na sua carreira, quando acabou abusando do uso de álcool.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Chegamos a um nível de sucesso raro na música sertaneja. Ficou absurdo e voltar a ser uma pessoa normal é um grande desafio. Era algo que eu precisava fazer ou eu ia pirar. Era uma loucura de fato, a gente se escondia. O próprio meio, o contexto artístico, faz com que você se isole num casulo. Quando o artista está assim não consegue nem se encarar no espelho e eu descontava na bebida. Precisava sair daquilo”.

 

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade

Formado em jornalismo pela UNIME Salvador, possui passagem por rádio, jornal e trabalha com público de internet desde 2016. Atualmente tem focado em projetos de audiovisual, cultura pop e celebridades.

Veja mais ›
Fechar