Ivete Sangalo teria protestado contra cortes na Rouanet, insinua Bolsonaro

Parece que o presidente Jair Bolsonaro não gostou nada do protesto realizado por Ivete Sangalo em um show realizado em Natal, no Rio Grande do Norte. Na ocasião, a famosa engrossou o coro dos fãs contra o chefe de estado.

publicidade
Ivete Sangalo e Bolsonaro (Reprodução)
Ivete Sangalo e Bolsonaro (Reprodução)

Poucas horas após receber alta médica na tarde desta quarta-feira (5), Bolsonaro deu uma entrevista coletiva à imprensa, em que comentou sobre o protesto da cantora baiana. Segundo o presidente, a atitude de Ivete aconteceu por conta dos cortes de verbas envolvendo a lei Rouanet, que estimula o patrocínio de projetos culturais pelo setor privado a partir da isenção fiscal.

publicidade

“Estamos mexendo na Lei Rouanet. Quando entrei no governo, o limite para artistas era de R$ 10 milhões por ano. Eu passei imediatamente para R$ 1 milhão. Conversando com o Mario Frias agora e vamos passar, nos próximos dias, para R$ 500 mil. Queremos atender aquele artista que está começando a carreira, e não figurões ou figuronas como a querida Ivete Sangalo”, disparou.

Bolsonaro ainda aproveitou para citar o ator global José de Abreu, conhecido nas redes sociais por ser um dos membros da classe artísticas mais ativos nas manifestações políticas.

publicidade

“Ela [Ivete Sangalo] está chateada, o Zé de Abreu está chateado porque acabou aquela teta gorda deles de pegar até R$ 10 milhões da Lei Rouanet e defender o presidente de plantão. Não quero que me defendam, quero que falem a verdade ao meu respeito. Fizemos muita coisa”, completou Bolsonaro.

Acontece que, segundo dados do Portal de Visualização do Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura, a artista nunca captou recursos pela Lei Rouanet. A única vez que o nome de Ivete aparece relacionado a um pedido via lei de incentivo foi para um evento beneficente – e o projeto foi indeferido.

Esta não foi a primeira vez que Ivete se mostrou contra o governo do atual presidente do país. Vale lembrar que em junho do último ano, Ivete Sangalo compartilhou um longo texto para assumir que não compactua e nunca votou à favor de Bolsonaro, diferente do que corria nas redes sociais.

publicidade

“Meus ‘zamuris’, entendo o quão necessário é nesse momento não estabelecer dúvidas sobre o que acredito. Esse governo que aí está não me representa nem mesmo antes da ideia dele existir. E isso vamos resolver quando unirmos forças nas próximas eleições através do poder do voto. Agora vamos nos unir em prol do que podemos fazer nos nossos espaços para driblar essa desorganização que são: o uso de máscaras, higienização, vacinas e o que mais necessário for”, começou.

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Formado em jornalismo pela UNIME Salvador, possui passagem por rádio, jornal e trabalha com público de internet desde 2016. Atualmente tem focado em projetos de audiovisual, cultura pop e celebridades.

Veja mais ›
Fechar