Homem diz queimar R$ 17 mil em ingressos de Olivia Rodrigo por exigência de vacina

Nesta quarta-feira (24), um homem identificado apenas como Doug viralizou nas redes sociais após se filmar colocando fogo no que disse ser um volume de ingressos para um show da cantora Olivia Rodrigo. Segundo ele, as entradas totalizavam juntas cerca de US$ 3,5 mil (quase R$ 17 mil).

publicidade
Homem diz queimar R$ 17 mil em ingressos de Olivia Rodrigo por exigência de vacina (Fotos: Reprodução)
Homem diz queimar R$ 17 mil em ingressos de Olivia Rodrigo por exigência de vacina (Fotos: Reprodução)

A atitude foi feita como um protesto contra a obrigatoriedade de estar vacinado contra a Covid-19 para poder entrar no evento. No vídeo, ele aparece em pé em um jardim com uma pilha de papeis na mão.

publicidade

“Mães, pais, crianças, adolescentes, chega um momento na vida em que você tem que se posicionar. Se posicionar pelos seus valores, não é sempre algo fácil a se fazer. Você não precisa estar certo, mas comece a se posicionar pelo o que é certo”, inicia Doug.

Ele segue alegando que a organização do show está querendo controlar o que ele deve colocar em seu corpo. Os ingressos eram um presente para a filha e amigos dela, mas ele se revoltou com o fato da obrigatoriedade da vacina para entrarem no show.

publicidade

“Vocês estão olhando para US$ 2,5 mil em ingressos para um show que quer me controlar, que quer dizer para você e para mim o que devemos colocar em nossos corpos. E a questão é: crie uma vida em que você está controlando o que entra no seu corpo. Não seja pressionado por um sistema ou pessoas ou qualquer um a fazer algo que comprometa o que você quer fazer na sua vida, na vida que você deve liderar. Se posicionem, pessoal.”, completa.

pic.twitter.com/hofNz7vfVK

publicidade

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

A Covid-19 já matou cerca de 6,8 milhões de pessoas em todo o mundo e os números de casos graves vêm caindo graças às campanhas de vacinação. No Brasil, a doença já levou à morte de 665.727 pessoas.

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Rafael Lima

Jornalimo pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Possui passagem por assessoria de comunicação e produção de críticas musicais desde 2020 em redes sociais. Apaixonado pelo universo e cultura pop, pesquisa e produz conteúdo para o nicho desde 2019.

Veja mais ›
Fechar