Gloria Groove faz performance polida em programa da Globo

Convidada do Encontro com Fátima Bernardes desta última quinta-feira (21), a cantora Gloria Groove fez a primeira performance ao vivo do single A Queda, que tem viralizado nas plataformas digitais nos últimos dias.

publicidade
Gloria Groove no Encontro (Reprodução)
A drag Gloria Groove m participação no programa Encontro (Foto: Reprodução / TV Globo)

Em conversa com Patrícia Poeta, que está subsistindo Fátima Bernardes, a artista comentou sobre seu novo álbum, Lady Leste e também sobre a letra de A Queda. A artista afirmou que o single foi inspirado nas críticas do público à passagem de Karol Conká no BBB 21.

publicidade

“Inevitavelmente a história dela serve para o que estou retratando em ‘A Queda’. Foi um dos grandes ódios massivos que a gente presenciou enquanto público. Isso causa um misto de sensações em mim. Eu estou vendo na minha frente o que pode acontecer com a vida e a carreira da pessoa. A queda, é para sobretudo gerar essa reflexão”.

A drag queen também falou sobre alguns artistas “cancelados” que se aproveitaram do sucesso da música: “Não é sobre levantar a pauta dessas pessoas e dar vazão para o que elas fizeram. Quem está aqui pra julgar são as leis, não a gente. É mais para trazer luz para esse assunto… Eu consegui falar sobre a repetição do comportamento do ódio coletivo do ponto de vista meu”.

publicidade

Um detalhe sobre a passagem de Gloria pelo matinal foi uma mudança em parte da letra de A QUEDA. Deixando a canção mais leve para o horário, a artista evitou cantar o verso “me ver fazendo merda” e alterou para “me ver errando nessa”.

Gloria Groove no Show dos Famosos

Ainda durante a atração, Gloria também falou sobre sua participação no Show dos Famosos, quadro do Domingão do Huck. A cantora destacou que o programa é uma forma dela colocar em pratica vários dos seus talentos artísticos.

“Estou curtindo demais porque estou podendo fazer o encontro de várias escolas minhas ao mesmo tempo. A veia do canto, da atuação, da dublagem, do teatro musical, tudo isso junto”, declarou.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

A paulistana reforçou que apesar de ser uma artista drag, esta arte não é algo que a limita e que o novo desafio tem sido visto como um momento de muita diversão. “Além de ser um jeito de mostrar na prática sobre ser um multi artista. Ser drag me potencializa, me liberta, me movimenta, me transforma, mas não me limita. Estou me divertindo e mostrando mais de mim”.

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Formado em jornalismo pela UNIME Salvador, possui passagem por rádio, jornal e trabalha com público de internet desde 2016. Atualmente tem focado em projetos de audiovisual, cultura pop e celebridades.

Veja mais ›
Fechar