Sertaneja Yasmin Santos fala de comparações com Marília Mendonça

Um dos novos talentos do sertanejo atual, Yasmin Santos trabalha na divulgação do single “Ciclo Vicioso“, que está na novela “Pantanal“, da Globo, e do EP “Modões“, forma que ela encontrou de homenagear grandes artistas desse meio. O projeto conta com “Meu Disfarce”, “Alçapão” e “Apenas um Sorriso”.

publicidade
Sertaneja Yasmin Santos fala de comparações com Marília Mendonça (Foto: Divulgação)
Sertaneja Yasmin Santos fala de comparações com Marília Mendonça (Foto: Divulgação)

Vale pontuar que, em conversa com o MixMe, a jovem destacou detalhes do seu trabalho, gravado em Goiânia, em abril, a parceria ao lado de Bruno e Marrone e a inspiração em Marília Mendonça.

publicidade

“Eu me inspiro em tantas pessoas. Sempre escuto as mulheres do sertanejo, como Paula Fernandes, Paula Mattos, Day e Lara, Lauana Prado e a eterna Marília Mendonça. Amo as comparações, acho uma honra”, diz.

Leia a entrevista completa

Como surgiu a ideia de lançar um EP com músicas clássicas do sertanejo?

A pandemia foi um momento muito reflexivo. Além de compor muitas músicas, também parei para admirar ainda mais os artistas que já me inspiravam. Foi aí que surgiu a ideia de regravar músicas que são importantes para mim. E como a gravação do DVD eu já sabia que seria no berço do sertanejo, achei que seria o momento perfeito.

publicidade

Você tem alguma favorita entre o repertório do último DVD?

Não consigo definir uma favorita. Todas as músicas que eu escolhi para compor o meu novo DVD são de momentos especiais, foquei muito em composições na pandemia.

Quais artistas você se inspira no Brasil?

publicidade

Nossa, eu me inspiro em tantas pessoas. Sempre escuto as mulheres do sertanejo, como Paula Fernandes, Paula Mattos, Day e Lara, Lauana Prado e a eterna Marília Mendonça. Amo as comparações, acho uma honra. Também busco referências em duplas como Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano, mas não é só o sertanejo que me inspira, vou contar que busco muita referência no pagode também.

O que “Ciclo Vicioso” representa na sua vida?

Quando lembro que tive a honra de gravar com Bruno e Marrone, uma dupla que é inspiração para mim, fico muito feliz. “Ciclo Vicioso” representa o quão longe eu cheguei. Com certeza essa música foi um marco importante na minha carreira.

publicidade

Como surgiu o convite para gravar ao lado de Bruno e Marrone?

A dupla sempre foi inspiração para a minha música. E como no “Ao Vivo em Goiânia”, eu queria também homenagear artistas que vejo como inspiração. Pensei: ‘porque não tentar convidar o Bruno e Marrone?’ Fiquei muito feliz quando toparam, foi uma grande honra dividir o palco com eles.

Como você definiria seu atual momento na carreira?

publicidade

Graças a Deus estou podendo realizar shows por todo o Brasil, com foco em divulgar minhas novas músicas. Está sendo bem bacana a recepção, tem bastante da minha verdade. Espero que as pessoas se identifiquem com as letras.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Rafael Carvalho

Redator e repórter de entretenimento

Veja mais ›
Fechar