Luisa Mell é detonada após imagens polêmicas com a ‘Mulher da Casa Abandonada’

Após Luisa Mell entrar na residência da “Mulher da Casa Abandonada“, no bairro de Higienópolis, em São Paulo, no fim da tarde desta quarta-feira (20), choveram críticas nas redes sociais a respeito da conduta da ativista, que transmitiu ao vivo em seu perfil no Instagram uma tentativa de resgate de uma cachorro pertencente a Margarida Bonetti.

publicidade

A mulher ficou conhecida por conta do podcast “A Mulher da Casa Abandonada“, de Chico Felitti.

Luisa Mell é massacrada após imagens polêmicas contra a 'Mulher da Casa Abandonada' serem divulgadas (Fotos: Reprodução)
Luisa Mell é massacrada após imagens polêmicas contra a ‘Mulher da Casa Abandonada’ serem divulgadas (Fotos: Reprodução)
publicidade

No Twitter, os usuários acusaram Luisa de ter invadido um local privado e expor imagens do quintal da casa, ao vivo, para mais de 18 mil pessoas. Outros também pontaram que a ativista teria tentado roubar o cachorro de Margarida.

publicidade

Na rede social, muitas pessoas comentaram ainda que a operação de resgate organizada por Luisa Mell e sua equipe foi um engano. Ela teria ido até a casa para resgatar um gato, porém ela teria confundido um animal com um “gato” de energia elétrica.

publicidade

publicidade

publicidade

Veja o momento em vídeo que circula nas redes sociais:

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

‘A Mulher da Casa Abandonada’

No podcast, o jornalista Chico Felitti narra a história de Margarida Bonetti, brasileira acusada de ter agredido e mantido uma mulher trabalhando em condição análoga à escravidão durante duas décadas nos Estados Unidos, onde morava.

Chico Felitti, inclusive, também estava no local no momento do resgate. Nas redes sociais, ele explica que foi apurar novas informações para o podcast.

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Rafael Lima

Jornalimo pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Possui passagem por assessoria de comunicação e produção de críticas musicais desde 2020 em redes sociais. Apaixonado pelo universo e cultura pop, pesquisa e produz conteúdo para o nicho desde 2019.

Veja mais ›
Fechar