Ludmilla sofre censura no YouTube por clipe de Socadona; entenda

Ludmilla lançou recentemente o clipe de sua música “Socadona” e, no entanto, não recebeu as visualizações que esperava. O motivo foi uma “censura” do YouTube, por uma razão um tanto quando inusitada.

publicidade
Ludmilla
Ludmilla sofre censura no YouTube por clipe de Socadona; entenda (Créditos: reprodução)

Normalmente, a plataforma de vídeo tende a dificultar a busca de vídeos com cenas muito explícitas, ou que sirvam como gatilho de alguma forma. Esse algoritmo faz com que o vídeo seja entregue para menos pessoas, dificultando sua visualização.

publicidade

No entanto, o clipe de Ludmilla se encaixa nas diretrizes da plataforma, e a censura estava gerando confusão. O motivo foi revelado pelo YouTube, e foi um tanto quanto curioso: o sobrenome da cantora Mariah, uma das parceiras do vídeo, é Angeliq, nome de um remédio controlado. Depois de esclarecido o engano, o problema foi resolvido.

Mesmo assim, a cantora sentiu o impacto da falha da plataforma. Recentemente, outros artistas como Luisa Sonza, Pabllo Vittar e Pedro Sampaio também sentiram na pele os problemas desse tipo de censura, que dificulta a divulgação do produto.

Agora que o clipe de “Socadona” está devidamente disponível, os fãs não param de reproduzir. Assim como a música, o vídeo traz inúmeras referências ao verão, com cores vibrantes e cenários impactantes. A coreografia também veio com tudo nesse novo trabalho de Lud, e tem potencial para se tornar viral.

publicidade

O clipe teve sua primeira exibição na Times Square, no Dia da consciência negra. Apesar de vários artistas nacionais estarem ocupando as telinhas do local icônico nos últimos meses, a Ludmilla foi a primeira cantora brasileira a ter sua première nos telões mais importantes de Nova York.

Segundo Lud, a música e o vídeo têm toda uma história por trás: o afrobeat é um convite a tomar a bebida mágica “socadona”, que daria ao indivíduo a habilidade de entrar no ritmo e pulsar com a batida do som. A ideia da artista explica a pegada surrealista do clipe e o deixa ainda mais incrível!

publicidade

Confira o clipe:

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Milena Cerqueira

Formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), tenho interesse e experiência em jornalismo cultural, comunicação interna e assessoria de imprensa. Na área acadêmica, realizei pesquisa referente ao trabalho de conclusão de curso nas áreas de música e cultura pernambucana.

Veja mais ›
Fechar