Governo da Coreia do Sul decide sobre o BTS fazer shows durante o serviço militar

Nesta segunda-feira (1º), em uma sessão parlamentar, o ministro da defesa da Coreia do Sul, Lee Jong-sup, afirmou que o BTS poderá ensaiar e marcar shows internacionais durante o período de serviço militar obrigatório dos membros.

publicidade
BTS
Governo da Coreia do Sul decide sobre o BTS fazer shows durante o serviço militar. Foto: Big Hit

“Mesmo se eles se unirem às forças armadas, haveria uma maneira de dar a eles a chance de ensaiarem e se apresentarem juntos, caso houver shows programados no exterior. Como várias pessoas valorizam muito [artistas servindo] nas forças armadas, isso pode ajudar a aumentar ainda mais a sua popularidade.”, disse a autoridade segundo as informações da Reuters.

publicidade

O serviço militar é obrigatório na Coreia do Sul para homens aptos entre 18 e 28 anos, durante um período de quase dois anos. O sucesso internacional do BTS tem causado diversas discussões sobre a legislação.

Em 2019, uma revisão da regra estabeleceu a possibilidade de cantores de k-pop reconhecidos globalmente adiarem o alistamento até os 30 anos, o que ficou conhecido como a “Lei do BTS“.

Este ano o assunto voltou a tona porque Kim Seok-jin, mais conhecido como Jin, completa 30 anos em 4 de dezembro, idade limite para ele iniciar o serviço militar. Rumores dizem que o hiato do grupo, anunciado em junho, seria a maneira encontrada para liberar os membros do calendário profissional.

publicidade

A agência que administra a carreira do BTS, Hybe afirmou que a pausa nas atividades dos grupo servirá para que eles possam investir na carreira solo e descansar.

Por causa de todo esse debate, o parlamento sul-coreano discute a possibilidade de diminuir o tempo de serviço de estrelas do k-pop para três semanas. O país fornece exceções para alguns grupos, como medalhistas olímpicos ou músicos e dançarinos clássicos premiados. No entanto, ainda não foram confirmadas novas definições.

J-Hope, um dos integrantes do BTS, lançou recentemente o seu primeiro álbum solo, “Jack In The Box“, que teve como primeiro single a faixa “MORE”. confira o clipe e a letra da música.

publicidade

Sim, estou com sede
Preciso surfar em cima da batida
Estou à vontade
Absorvo a música
Uni, duni, tê
Um pequeno flow que dança
Mantenho minha paixão, eu tenho que ir
Eu ainda (não sou o suficiente)

11 anos aprendendo sozinho
Meu destaque é apenas a estética da aprendizagem
Um estudo interminável
Uma obra feita quando eu levo batidas e caio
Faço isso mexer nessa posição aqui também
Faço isso meu, faço isso direito
E também a música favorita de alguém
Isso é a metade da minha vida, a razão da minha vida, o prazer da minha vida
Sigo com isso sendo a minha motivação

Traga tudo
Estou fazendo tudo

publicidade

Hah! Grite
Eu digo: Mais
Hah! É isso aí!
Porque eu quero um pouco mais

Hah! Grite
Eu digo: Mais
Hah! É isso aí!
Porque eu quero um pouco mais

Escuto sons altos e baixos em meus ouvidos e os atinjo
Eu sigo reto sem parar, faço minha mixtape
Mesmo que receba feedbacks, eu volto
Como tudo como um doce KitKat, é tudo doce para mim (agradeço)
Relações mútuas são benéficas
Quando encho tanque, dirijo a batida novamente
Cuidado, pessoal, sou descuidado
Intoxicado pela pintura encharcada de arte, continuo como Dali

publicidade

Até mesmo agora, quero um estádio com os meus fãs
Levar todos os trófeus e até mesmo o Grammy
Honra e riqueza não são tudo, eu já sei
Meu trabalho me faz respirar, então eu quero mais

Respira, respira, expira, expira
Me sinto vivo
Traga tudo
Estou fazendo tudo

Hah! Grite
Eu digo: Mais
Hah! É isso aí!
Porque eu quero um pouco mais

publicidade

Hah! Grite
Eu digo: Mais
Hah! É isso aí!
Porque eu quero um pouco mais

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Sim, estou com sede
Preciso surfar na batida
Estou à vontade
Absorvo a música
Uni, duni, tê
Um pequeno flow que dança
Mantenho minha paixão, eu tenho que ir
Eu ainda (não sou o suficiente)

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Rafael Lima

Jornalimo pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Possui passagem por assessoria de comunicação e produção de críticas musicais desde 2020 em redes sociais. Apaixonado pelo universo e cultura pop, pesquisa e produz conteúdo para o nicho desde 2019.

Veja mais ›
Fechar