Gloria Groove: Diretor de “A Queda” explica referências do clipe

Lançado na última quinta-feira (15), o clipe da música A Queda, da drag queen Gloria Groove tem causado o maior burburinho no mercado da música pop. A artista está tendo um ótimo retorno com o projeto, que traz uma mensagem impactante sobre a cultura do cancelamento.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade
Gloria Groove e Felipe Sassi (Reprodução)
A cantora Gloria Groove e o diretor do clipe “A Queda”, Felipe Sassi (Reprodução)

Um dos responsáveis pelo enorme sucesso conquistado por A Queda está em seu diretor, Felipe Sassi. Queridinho das artistas pop, o artista já assinou videoclipes de diversos nomes como Ludmilla, Duda Beat, Luísa Sonza e Iza.

publicidade

Em entrevista para o Popline, o paulistano contou toda as referências que buscou para se inspirar em alguns detalhes que tornaram o vídeo em um sucesso instantâneo do pop brasileiro.

Um deles foi na cena emo dos anos 2000, além de diversos filmes de terror que consumia na mesma década. Personagens do Tim Burton e Zé do Caixão são exemplos claros, como filmes como “Noiva Cadáver”, “Batman” e “American Horror Story”.

“Está sendo um processo muito lindo esse clipe com a Gloria, porque pude resgatar essa minha predileção. Quando eu trabalhava em locadora eu consumia muito filme de terro, então tem muita referência de Tim Burton e todo o universo que ele traz. Tem coisas dos filmes de terror anos 2000, que eram nessa estética de terror teatral ,que faz parte da minha linguagem”, explica o diretor do clipe.

publicidade

Se tratando de música, ele também pensou em Lady Gaga e My Chamical Romance, além de outras artistas pop que flertam com o rock e o dark.

“Fui buscar as referências da minha adolescência, que bate com a adolescência da Glória. Eu fui um emo enrustido (risos). Tocava bateria numa bandinha, gostava de Green Day, Simple Plan, Ramones, 30 Seconds to Mars e Evanscence, até ir pro pop com Avril, P!nk, Riihanna e a Gaga, que me roubou mesmo, com toda essa roupagem pop e com atitude de rock star”, diz.

Felipe revelou também que pouco antes de iniciar a produção do clipe, ele mesmo sentou com Gloria para discutir a estética que poderia usar no projeto. O diretor paulistano também contou que ouviu algumas faixas do Lady Leste, próximo álbum da drag queen, para entregar exatamente a mensagem que ela gostaria de passar com a música.

publicidade

“A Gloria chegou pra mim com essa musica, a gente fez uma audição de outras faixas do ‘Lady Leste’ e eu consegui entender realmente ali quem é ela nesse momento, o que ela quer trazer: ela queria convidar todo mundo para esse picadeiro. A música fala muito da dualidade humana e a gente precisa desse movimento como sociedade, um movimento de mais amor. A gente se olhar com mais amor e menos julgamento”, diz.

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade

Formado em jornalismo pela UNIME Salvador, possui passagem por rádio, jornal e trabalha com público de internet desde 2016. Atualmente tem focado em projetos de audiovisual, cultura pop e celebridades.

Veja mais ›
Fechar