Filha de Kurt Cobain se posiciona sobre processo contra o Nirvana

O processo do “bebê de Nevermind” contra o Nirvana vem rendendo muitos assuntos! Após toda a repercussão, Frances Beans, filha de Kurt Cobain que era o vocalista e guitarrista da banda, se manifestou sobre o processo movido por Spencer Elden, o protagonista da capa do álbum “Nevermind” (1991).

publicidade

Para quem não sabe, Spencer acusa a banda de pornografia infantil e chega até a citar “trabalho sexual” por ter sido fotografado para a capa do icônico Nevermind.

Nirvana
Filha de Kurt Cobain se posiciona sobre processo contra o Nirvana (Imagem: Reprodução/Web)
publicidade

Em uma publicação no Facebook, Frances, filha do vocalista e guitarrista do Nirvana, relembrou das diversas vezes em que o acusador recriou a capa do álbum.

“Quando estar na capa do álbum do Nirvana te traumatizou tanto como criança que você recriou a cena múltiplas vezes antes de decidir finalmente processar a banda. Complicado, né? Vale lembrar que, recentemente, alguns advogados especializados em casos do tipo classificaram o processo de Elden como “ofensivo e frívolo”“, afirmou a filha de Kurt, ao compilar fotos de recriações feitas em 2001, 2007, 2011 e 2016, além de um outro ano em que não foi identificado.

Em um outro post, a página – que pode ou não ser realmente da jovem, pois ela é sempre muito misteriosa com as redes sociais –  compartilhou um meme que mostra Spencer, em 2021, com uma mala de dinheiro em vez de apenas uma cédula, como no retrato original de 1991.

publicidade

A imagem deixa bem claro que Elden estaria surgindo com essa polêmica apenas atrás de mídia e dinheiro.

Cabe lembrar que até mesmo especialistas jurídicos não legitimaram a acusação de Elden. Sendo assim, o processo aberto por ele pode nem ser levado a julgamento.

publicidade

Entenda o caso

A banda Nirvana foi um dos assuntos mais comentados dos últimos dias. O motivo? A ação movida por Spencer Elden, bebê que aparece na capa do clássico álbum Nervemind, de 1991.

Spencer acusa a banda de “pornografia infantil”. Ele que na época tinha apenas 4 meses, está pedindo indenização no valor de US$ 150 mil (cerca de R$ 787 mil), para cada uma das pessoas envolvidas na capa do disco.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

O processo conta com 15 pessoas como réus, incluindo Courtney Love – viúva de Kurt Cobain.

O que você achou? Siga @mixmebrasil no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade

Layne Bispo é formada em Administração pelo Centro Universitário UNIFG. Atua com produção de conteúdo para web há 5 anos e possui experiência nos nichos de entretenimento, educação, finanças e automobilismo. Atualmente dedica-se a redação do portal Mix Me, produzindo news sobre o mundo da música e cultura pop de um modo geral.

Veja mais ›
Fechar