BBB 24: primeira chamada da próxima edição vai ao ar

patrocinador-do-bbb-24-e-do-fantastico-tem-jogos-de-azar-no-catalogo
Primeira chamada de BBB 24 vai ao ar. (Foto: Reprodução/Internet)

Nesta segunda-feira (18), a Globo colocou no ar a primeira chamada do BBB 24. O material foi veiculado durante o intervalo da novela ‘‘Terra e Paixão’’. Na chamada, o apresentador Tadeu Schmidt falou com o público sobre o que esperar para a próxima edição, que chega em janeiro.

Como foi a primeira chamada do BBB 24?

A propaganda mostra um Big Fone sendo colocado na rua e pessoas comuns mandando sugestões diretamente para Tadeu com melhorias para a próxima temporada. Entre as dicas, são mencionadas a substituição de provas de resistência por provas de intelecto, uma xepa com menos comida e mais brigas. A chamada pode ser um indicativo das mudanças que Boninho quer trazer para 2024.

”Menos resistência e mais prova de intelecto. Privilegiar quem estuda a mente e não quem malha o corpo”, pediu um espectador. Tadeu respondeu: “Não é que você está certo?”.

BBB 24 terá mudanças

Boninho comentou pela primeira vez algumas novidades do BBB 24. Em participação no CCXP, que aconteceu no último final de semana em São Paulo, o diretor explicou que sua equipe continua na fase de seleção de participantes e ainda revelou que o tão esperado prêmio pode chegar aos R$ 3 milhões.

Se todos reclamaram com o fim da câmera no quarto do líder, agora é hora de comemorar. Os fãs de Big Brother Brasil poderão sorrir novamente com o líder da semana sendo vigiado 24 horas. Apenas os assinantes da Globoplay terão acesso ao que será filmado.

Para a surpresa de muitos, há também mudanças na arquitetura da casa. Na nova edição, os confinados poderão se dividir em três quartos além do quarto do líder.

A estreia do BBB 24 está a menos de um mês de distância, gerando antecipação e especulações. Algumas reações nas redes sociais indicam ceticismo em relação ao novo tema e à edição como um todo. Internautas expressaram preocupações quanto ao possível insucesso da edição, questionando se a abordagem mais fantasiosa atrairá o público tradicional do programa.

Confira: